Bule Voador

O problema do cristianismo com a Teoria da Evolução

Autor: Jerônimo Freitas

Alguns acham que os cristãos combatem a Teoria da Evolução (TE), pelo fato de não entendê-la. Em minha opinião ocorre exatamente o contrário.

Eu acredito que a maioria dos cristãos realmente não a compreenda. Já tive muita prova disso. Mas aqueles que formam a opinião, “os cabeças” da seita, estes a compreendem.

O problema do cristianismo com a TE é que determinadas escolas cristãs, as coerentes, vêem a Bíblia como a palavra de Deus ditada aos Homens por intermédio do Espírito Santo. Segundo o cristianismo a Bíblia é a palavra de Deus transcrita. Sendo Deus onisciente, sua palavra deve ser interpretada tal qual está na Bíblia. Se fosse para ser diferente, Deus teria ditado diferente. O cristão que interpreta a Bíblia de maneira figurada, alegórica (o que EU acho mais sensato), está descredibilizando a palavra de Deus. Ele é prepotente, pois pretende ajeitar algo que, ninguém menos que o próprio Deus, criou, sendo Deus, segundo os cristãos, perfeito. A perfeição, como se sabe, não dá lugar a melhoras, posto que já é perfeita.

.

Também não se pode fazer meio termo, interpretando o aceitável como sendo a palavra de Deus e o inaceitável, como sendo alteração ou inserção humana, pois se a Bíblia não pertence a uma religião, não haveria uma autoridade que pudesse validar ou invalidar determinada passagem.

Na Bíblia, Deus criou a vida na Terra (os humanos, inclusive) na mesma semana. Sendo assim há vários pontos de conflito entre a Bíblia e a TE:

1. Não haveria como as espécies recentes, nós inclusive, serem fruto da evolução de outras espécies, posto que todas, segundo o texto sagrado, foram criadas junto. Dessa maneira os mamíferos foram contemporâneos dos trilobitas e dos dinossauros. Por isso vemos nos parques criacionistas humanos junto com dinossauros.

2. Deus criou a vida (e o universo) do nada, ou melhor, do verbo. Isso contradiz a evolução que diz que toda a vida na Terra evoluiu dos organismos unicelulares.

3. Diferentemente dos outros animais, Deus criou Adão do barro. Isso contradiz a TE que diz que o gênero Homo, assim como qualquer outro gênero, evoluiu a partir de gêneros mais antigos, no caso, provavelmente, os Autralopithecus.

É por isso que eu digo. Um cientista sério (independentemente da área de estudo) tem que entender a Teoria da Evolução. Ele pode até não aceitá-la, mas tem que entendê-la. Se ele a aceita, ele não pode ser cristão, nem judeu religioso e nem mulçumano, pois a TE é antagônica aos textos sagrados das religiões abraâmicas. Ou é uma coisa ou é outra.

Se um dia o cristão admitir que a Bíblia não é a palavra de Deus, mas apenas um texto escrito por homens, o cristianismo perde a sua base de sustentação, pois os cristãos estariam seguindo apenas a homens mentirosos. Como, por conta disso, a Bíblia não pode ser negada, é a TE da evolução que deve ser descredibilizada. Como há provas de que a TE é um fato, seria toda a ciência e a razão que estariam sendo atacadas, posto que constatar um fato é mais que científico, é racional.

O cientista que não aceita nas evidências da TE está descredibilizando toda a ciência. Só para dar exemplos diretos vejamos a geologia, a física, a química e a paleontologia que contribuem para sustentar a TE através do estudo e datação dos fósseis. Temos também a medicina, a biologia e todas as suas subdivisões (embriologia, genética, zoologia, botânica, etologia, bacteriologia, citologia, histologia, micologia, anatomia, fisiologia, etc) que estudam o desenvolvimento e funcionamento dos organismos vivos. Pois todas essas ciências comprovam a TE assim como aprendem com a mesma.

Os outros ramos da ciência, mesmo os não diretamente afetados pelas descobertas da TE, seriam também descredibilizados, pois a metodologia científica que valida as descobertas das ciências supracitadas é a mesma que valida as descobertas de todos os ramos científicos. O método científico.

É por isso que eu fico impressionado quando eu sei que um biólogo ou um médico reza. Se o reza é teísta. Se é teísta, acredita que Deus é o criador. Se acredita que Deus é o criador da vida, não entende a biologia. Se não entende a biologia não entende a TE e não entende a ciência.

Pior ainda é ver pessoas que seguiram estudos universitários na área das ciências naturais, que aceitavam a TE e depois, ao “renascerem para Cristo”, passaram a duvidar. Pelo menos oficialmente.

.

Alex Rodrigues
Carioca de nascimento (15/07/79), por
  • Miriã Tonus de Oliveira Alves

    Prá mim é muito mais difícil acreditar que um ser evolua para outro do que acreditar que Deus tudo fez e tudo criou com sua palavra. Fé provém do próprio Deus para nós seres humanos. Quando a pessoa não tem fé é porque o próprio Deus não implantou a mesma nela. Deus escolhe os seus. É assim que acredito porque é assim que a Bíblia diz. Eu sou criacionista, enfermeira e mestranda em ciências biomédicas e continuo acreditando na Teoria da Crianção Divina. Deus é Deus. Pode fazer o que quiser do jeito que quiser e como quiser. Quem é a criatura (humanos) para discutir com seu criador como e por quê ele a fez?? A TE não foi comprovada coisa nenhuma. TODOS os livros dizem que é uma TEORIA. O próprio nome já diz: teoria. Teoria é algo que não foi comprovado, o contrário deixaria de ser teoria e seria uma LEI. Ai que preguiça de continuar com esse papo…. mas, só prá terminar: eu creio em Gênesis 1. Eu tenho fé.